sexta-feira, 25 de abril de 2014

Dia da Terra vê nascer Vigilantes da Natureza Juniores

No Dia da Terra, data em que se inaugurou o Trilho “À Descoberta da Natureza” na Escola B 2,3 D. Fernando II em Sintra, 35 alunos receberam o Diploma de “Vigilante da Natureza Júnior”.

A maioria esmagadora das crianças que frequenta a Escola D. Fernando II vive em áreas urbanas. O contacto com a natureza escasseia, locais como a Mata da Escola são muito raros no meio escolar nacional, não podemos dar-nos ao luxo de o ignorar. A comunidade escolar tem agora a oportunidade de num espaço tão pequeno conseguir compreender que o ser humano partilha o planeta com muitos outros seres vivos e que faz parte de uma enorme teia de vida. Os alunos ao estudarem estas formas de vida e o modo como actuam umas sobre as outras entenderão melhor a importância de preservar a Natureza de que todos dependemos.

A ideia de criar um trilho de interpretação ambiental na escola foi um desafio lançado pela Professora Paula Sequeira da Escola Básica 2,3 D. Fernando II ao Parque Natural de Sintra-Cascais e à Câmara Municipal de Sintra.

Constitui um dos objectivos prioritários do Departamento da Conservação da Natureza e Florestas de Lisboa e Vale do Tejo - Parque Natural de Sintra-Cascais a promoção da educação ambiental, a divulgação e o reconhecimento dos valores naturais, enquadrando-se este desafio inédito nos princípios estabelecidos na sua área de intervenção.

A ideia de que a interpretação ambiental está associada exclusivamente ao meio rural ou natural não foi limitativo no estabelecimento de um trilho dentro da escola. Esta ideia original teve na imaginação criadora dos professores, alunos, técnicos da Câmara Municipal de Sintra e do Parque Natural e Sintra-Cascais a força motora para o êxito do projecto.

Este trilho agora traçado irá contribuir para o enriquecimento do processo de aprendizagem, pretende estimular o desenvolvimento de processos educativos activos e fomentar a participação da comunidade escolar no conhecimento e valorização do ambiente que os rodeia.

O trilho agora executado tem potencial para o desenvolvimento de actividades de educação ambiental.

Os trilhos são essenciais para que possamos desfrutar da Natureza sem a destruir. Todos os que os usamos devemos entender quanto frágeis são e quanto se deve trabalhar na sua planificação, no seu desenho e na sua manutenção.

O trilho da Escola D. Fernando II destina-se a ser usufruído pelos alunos, professores, funcionários e encarregados de educação. Permitirá entrar em estreito contacto com a Natureza e aprender com as aulas práticas que o local proporcionará.

O trilho pode ter um ou vários temas definidos, em que se pretende conduzir os alunos através de espaços e informações que ajudem a elaborar um raciocínio específico, sendo deste modo, definido antecipadamente a sua finalidade e a sua compreensão. Terá como meta a percepção do meio, da fauna, da flora e da geologia.

Projecto: Vigilantes da Natureza Juniores do Trilho “À descoberta da Natureza”.

Entre as actividades programadas para o trilho, realizou-se formação para os Vigilantes da Natureza Juniores, que são os alunos com incumbências de protecção do percurso pedestre e de sensibilização dos colegas para os valores existentes.

No Dia da Terra foram realizadas actividades de educação ambiental, interpretação do trilho, jogos educativos, anilhagem de aves e o reconhecimento como Vigilante da Natureza Júnior, através da atribuição de diploma e da distribuição de boné e T-shirt com a indicação de Vigilante da Natureza Júnior.

Para proteger a Natureza é preciso conhecer, estudar, classificar.